Revista da Papelaria

Início » Notícias / Negócios » Sucesso = Eficácia + Eficiência

12/08/2015

   

Sucesso = Eficácia + Eficiência

Fórmula defendida e fomentada por consultor estratégico é essencial para boa gestão

Sucesso é a eficácia unida à eficiência. Isso quer dizer que não adianta fazer corretamente o que não traz resultado. É preciso fazer de maneira correta o que realmente afeta o bom resultado. Essa ideia é defendida por Luis Taniguchi, e não só defendida, como fomentada por ele. Taniguchi trabalha há 27 anos no varejo e é sócio da empresa de consultoria estratégica Tanibrazil, cujo foco é ajudar empresas a melhorar a gestão por meio de ações rotineiras e planejadas. 


Por que a eficiência é algo essencial no mundo dos negócios?
Hoje, vivemos um cenário difícil para o varejo, com aumento dos custos (luz, água etc.) e redução de receita devido à falta de dinheiro circulante. Sabemos que o resultante desse problema é a diminuição do lucro da empresa. Para chegar, pelo menos, ao lucro mínimo, é fundamental obter o melhor resultado possível através dos investimentos/custos efetuados. Vale lembrar que, além de eficiente, precisamos ser eficazes, ou seja, fazer o que realmente precisa ser feito.


No varejo, o que a falta de eficiência pode ocasionar?
A falta de eficiência significa ter alto custo de operação com retorno financeiro baixo. Isso vale para compras, dia a dia da loja e até no marketing. Exemplifico: comprar acima do necessário gera estoque desnecessário; com relação a vendedores, se eles não tiverem treinamento, não conseguem aumentar as vendas por clientes; já nas campanhas, há ineficiência quando o investimento não traz resultados para a empresa. O final disso tudo é o desperdício de dinheiro em ações desnecessárias para o resultado desejado.


Ser eficiente é uma qualidade inata ou pode ser aprendida?
Eficiência é proveniente da total qualidade no processo de gestão, e isso é aprendido, avaliado e melhorado a cada dia dentro da empresa. A empresa não nasce eficiente, mas se torna através de processos, ferramentas e controle de índices que ajudam o gestor a melhorar o desempenho em vários setores.


Quais os principais erros cometidos pelos varejistas?
Um dos piores erros é controlar apenas a receita do negócio, sem olhar a margem de venda e estoque necessário. Além de olhar somente para a receita, a comissão de vendas é 100% baseada na receita de venda e não no lucro gerado, o que implica vender sem margem e pagar a comissão. É justo? É possível mudar, uma vez que a maioria já possui sistema de informação com todos os dados inseridos. Basta saber quais olhar e como utilizar.


Como a eficiência pode aumentar o lucro da empresa?
Com a ruptura do status atual e criação de visão do futuro. A empresa deve focar no lucro, ao invés da receita. Volto a lembrar da eficácia, pois sem ela não adianta ser eficiente. Seria como colocar todo o esforço em algo que não dá retorno. Para isso, é preciso implantar a gestão, criar gestores empreendedores e que todos tenham metas alinhadas à meta da empresa.


Como fazer com que o corpo funcional se envolva com a eficiência?
Vamos separar em duas etapas. A primeira é a do envolvimento. Para que a equipe se envolva, precisa ajudar a construir a solução da ação desejada no momento do desdobramento da meta. A segunda etapa é a da eficiência. O empresário deve capacitar a equipe a pensar na melhoria contínua do processo e incentivar a eficiência o tempo todo.

 

< Anterior | Próxima >