Revista da Papelaria

Início » Notícias / Tecnologia » Tendências do digital

15/02/2016

   

Tendências do digital

Marketing digital refina, cada vez mais, o relacionamento com os clientes

As apostas de tendências para o ano que se inicia estão lançadas, e não há como não falar sobre o que vem por aí no mundo virtual. Um dos segmentos que mais se reinventou nos últimos anos foi o marketing on-line, com diferentes maneiras de impactar os usuários da rede, transformando-os em clientes.


O empreendedor Dan Scalco, fundador da empresa americana de marketing digital Digitalux, elencou as cinco principais tendências do marketing digital para 2016, no site www.inc.com. Traduzimos e comentamos os principais aspectos destas tendências para você entender melhor o desempenho da sua empresa na internet. 


1. Mais sites se tornarão responsivos


A primeira tendência cada vez mais deixa de ser uma opção para tornar-se uma necessidade. A tecnologia muda constantemente o mundo do marketing e, em 2016, os novos sites já deverão ser desenvolvidos de maneira responsiva, ou seja, ajustando-se a qualquer tamanho de tela. Seja ela de um computador, de um tablet ou de um smartphone. 


2. SEO continuará a mudança para marketing de conteúdo


O SEO, sigla em inglês para Sistema de Otimização de Busca, não está morto. Ele apenas cresceu, segundo Dan Scalco. O que antes era visto como uma prática obscura para direcionar os usuários até sua página está se transformando no que profissionais estão chamando de Marketing de Conteúdo. Ao invés de apenas colocar palavras-chave que remetam a buscas relacionadas ao produto ou serviço, os filtros ficam cada vez mais rigorosos, exigindo que as empresas criem conteúdo útil aos usuários para ter relevância na hora da busca.


3. Os vídeos vão se tornar a principal plataforma de conteúdo


Assim como a internet evolui, a forma de consumo de conteúdo também. Através do sucesso do YouTube, em 2015, as plataformas de vídeo se consolidaram como uma das principais maneiras de transmitir conteúdo, de acordo com Scalco. Com vídeos, é possível alcançar uma taxa de conversão e engajamento dos usuários muito mais elevada do que de outras maneiras. O empreendedor afirma que estudos mostram que visitantes ficam dois minutos a mais em uma página se ela tiver um vídeo.


4. Design e velocidade serão uma necessidade, não um luxo


Os sites que vão se destacar em 2016 não são apenas os que fornecem o melhor conteúdo, mas aqueles que o fazem da forma mais eficaz e eficiente possível. Isso significa, para Scalco, que a maneira na qual o site é projetado e a velocidade que ele carrega são fatores essenciais para transformar o visitante em cliente.


5. Conteúdo ficará mais interativo


Dan Scalco formula a pergunta: “O que transformou o Buzzfeed (site norte-americano de notícias) em um dos maiores sites da internet?”. Ele afirma que não foram as manchetes características ou as matérias em forma de listas. Foram os quizzes. O Buzzfeed foi capaz de transformar a premissa de um quiz de personalidade em um fenômeno viral, por mexer com o ego das pessoas. No momento em que alguém respondia a um quiz, o site o encorajava a compartilhar os resultados com os amigos em suas redes sociais, motivando todos a fazerem o mesmo.


Esse tipo de conteúdo interativo foi também um dos posts mais visitados do jornal The New York Times, com um quiz sobre as variações linguísticas das diferentes regiões dos Estados Unidos, segundo o fundador da Digitalux. Dan Scalco comenta que esse formato faz sucesso, pois engaja o usuário de uma maneira a proporcionar uma experiência única ao consumir aquele conteúdo. Em 2016, a tendência é de mais conteúdo interativo no formato de vídeos (como os vídeos 360 graus), realidade virtual, e anúncios que criam um diálogo entre a empresa e seu público-alvo.

 

< Anterior | Próxima >