Revista da Papelaria

Início » Notícias / Mercado » Do sonho ao sucesso

04/10/2016

   

Do sonho ao sucesso

Conheça a trajetória de cinco décadas da Acrilex e o que a empresa espera para o futuro

Líder da América Latina na fabricação de tintas para manualidades e uma das maiores no segmento de tintas escolares e artísticas, Acrilex tem algo em comum com diversas pessoas que carregam em si uma certa inquietação no coração e na mente. A empresa nasceu do desejo de fazer mais, de fazer diferente. Em 2016, completou 52 anos de trajetória. Do sonho à realidade, muito se passou.


Takaaki Kobashi, filho de imigrantes japoneses, é o mais velho de sete irmãos. Com 19 anos, foi enviado da cidade interiorana de Bastos à capital paulista para estudar, pois o pai, lavrador, desejava um futuro melhor para o primogênito. O ano era 1957. Takaaki ingressou no curso técnico de química e logo começou a trabalhar em uma multinacional que fabricava resinas acrílicas. Ele havia encontrado no ramo químico o ofício e percebeu que havia oportunidade para crescimento.


Em 1964, Takaaki, com alguns sócios, criou empresa com foco na produção de tinta látex para o setor de construção civil. Assim surgiu a Acrilex. No entanto, três anos após a fundação, o negócio enfrentou problemas financeiros, que culminaram com a saída de um dos sócios e a quase falência da empresa. Takaaki teve que escolher entre o ótimo emprego na multinacional ou mergulhar de cabeça no empreendimento. Ao lado do sócio Seiji e com o apoio da família, passou a dedicar-se integralmente à Acrilex.


Com criatividade e boa experiência no ramo químico, novas ideias surgiram e novos mercados se abriram. Produtos para o segmento de manualidades foram lançados, como tintas para tecidos, sprays e tintas acrílicas. Mas o destaque desse período foram as tintas fluorescentes ou “luminosas”, como eram conhecidas na época. Acrilex inventou tinta fluorescente com matéria-prima própria e, apenas dois anos após o início da crise, as dívidas foram saldadas e as finanças, reequilibradas.


Acrilex havia se reinventado. Aproveitou as oportunidades de mercado que surgiram e crescia ano após ano. A estrutura da empresa foi ampliada, e o segmento voltado para materiais escolares ganhou força com uma linha que trazia tintas guache, massa para modelar, giz de cera, entre outros itens.


Ao longo da história, Acrilex sempre comercializou produtos para o mercado externo. A recessão mundial de 1980 fez com que a internacionalização se tornasse política empresarial, o que projetou a marca pelo planeta. Hoje, são 46 países que adquirem, regularmente, os produtos. "O que vendemos aqui é igual ao que vendemos para qualquer parte do mundo", afirma o sócio-fundador Takaaki Kobashi.


Para o futuro, Acrilex investirá, cada vez mais, para se tornar marca de alcance global, conhecida e reconhecida pelos produtos e pela qualidade. Neste ano, a fabricante participou pelo quarto vez da Paperworld e Creativeworld, maior feira de produtos para o segmento de papelaria e manualidades. A experiência como expositor traz grandes benefícios em marca, imagem e negócios. Esse é só o início de uma história que chega a mais de cinco décadas e que seguirá se desenvolvendo e colorindo o futuro do Brasil e do mundo.

 

< Anterior | Próxima >