Revista da Papelaria

Início » Notícias / Escolar » As últimas destes eternos sedutores

29/09/2017

   

As últimas destes eternos sedutores

Atualize-se sobre as novidades do mercado de licenciamento

O Brasil está entre os seis países com maior faturamento em licenciamento de marcas do mundo. Segundo estimativas da Associação Brasileira de Licenciamento (Abral), o país está atrás apenas dos Estados Unidos, Japão, Inglaterra, México e Canadá. A associação acredita que existam no Brasil 500 empresas licenciadas e 600 licenças disponíveis, das quais 75% são estrangeiras. Mas, para o setor entender o quanto o licenciamento é importante na geração de negócios, basta mencionar que o mercado de papelaria é o terceiro segmento econômico que mais utiliza esse artifício em seus produtos. Em 2016, o uso de licenças movimentou no varejo R$ 17,8 bilhões, com previsão de crescimento de 5% para 2017. Ainda segundo a Abral, a taxa de royalties sobre o preço de venda no varejo, por exemplo, para um caderno é de 10%.


Esse é um mercado muito dinâmico, pautado principalmente pela indústria do entretenimento (70% das propriedades). O que significa dizer que o sucesso de programas de TV, filmes e jogos pode interferir diretamente no desempenho de venda de produtos que estão nas prateleiras das papelarias de todo o país. Uma boa alternativa para atualizar-se sobre as oportunidades dessa área é a 10ª Expo Licensing Brasil, que vai acontecer nos dias 29 e 30 de agosto, no Grand Hyatt, em São Paulo.


A presidente da Abral, Marici Ferreira, também está comprometida com a atualização constante do setor. “Estamos incluindo diversas palestras, cursos e workshops em nossa agenda de eventos como forma de promover a qualificação do setor. Temos muitos expoentes do licenciamento no Brasil e queremos ser o canal para que essa expertise possa contribuir para o desenvolvimento e ampliação do segmento de forma geral no país”, conclui Marici.


Recentemente, a entidade formalizou parceria com global com a Licensing Industry Merchandisers Association (Lima), firmada com o objetivo de intensificar a troca de informações sobre o mercado em nível internacional, assim como ampliar a visibilidade das licenças nacionais no exterior; e um novo projeto institucional voltado para a capacitação dos profissionais do segmento e disseminação do conhecimento sobre os negócios que envolvem esse mercado.

 

< Anterior | Próxima >