CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Atualidade Volta às Aulas

Linha retrô pastel

Compartilhe

Com o sucesso das cores pastéis, a Staedtler, aposta na linha retrô pastel com o lançamento de diversos produtos como lápis de cor, lápis grafite, fineliners, canetas com ponta de fibra, marca texto, entre outros. De acordo com a marca, o diferencial da linha está justamente na paleta de cores, que inclui os tons areia, cinza e preto. “A ideia é levar a paleta pastel além dos tons candy, e resgatar uma paleta mais vintage, muito presente nos anos 80 e que tem feito parte da cultura pop atual.”, explica Juliana Rett, marketing manager da Staedtler Brasil.

A nova linha conta com diversos produtos, como o lápis de cor em 12 tons pastéis com mina ultra macia. Já os lápis grafite 118 BK6 PA e 119 BK2 PA foram projetados no estilo do clássico lápis Noris, em formato triangular ergonômico. O lançamento também traz lapiseira em seis cores pastel diferentes, que estão disponíveis em blister ou em copo display. As fineliners e as canetas com ponta de fibra da linha Triplus entram para a gama de novas tonalidades e estão disponíveis no estojo retrátil Staedtler com seis cores compatíveis. Além disso, o marca texto se destaca em blisters com quatro e seis tons pastel. 

“A expectativa é apoiar todos os nossos clientes neste momento de retomada, oferecendo ao mercado com um toque especial na variedade de produtos e no conceito das cores, em uma linha que é tendência contínua junto ao público jovem, que segue atento na busca de novidades de papelaria”, finaliza Juliana Rett.

Textura de couro

Outra novidade é que, a partir de julho, a multinacional alemã distribuirá em lojas parceiras um novo conceito de massa de cerâmica plástica: a Fimo Couro. O lançamento da única massa de cerâmica plástica capaz de transmitir uma textura semelhante ao couro, representa o impulsionamento da movimentação da marca no mercado brasileiro e o compromisso da companhia em entregar materiais criativos com inovação e qualidade. “Somos os únicos aptos a oferecer aos artesãos e amantes do artesanato uma massa de cerâmica plástica como essa. Por conta da facilidade de manuseio, o produto pode ser utilizado de diferentes formas, como em bijuterias, esculturas, bonecas, itens de decoração, entre outros. Além disso, uma vez endurecida no forno, é possível envernizar a peça para alcançar um acabamento autêntico ao couro, que dá inúmeras possibilidades criativas de aplicação – Fimo Couro é totalmente adequada para perfuração e estampagem, bem como para corte e costura. Estamos ansiosos para ver as obras que sairão da união entre Fimo e a criatividade do artesão brasileiro”, conta Rett.

Já no ponto de vista de Bene Tealdi, artesã especializada em Fimo há 15 anos, o produto sai à frente do biscuit em termos de versatilidade e economia. “A partir do momento que descobri a massa de cerâmica, pude ampliar o meu portfólio e diminuir o tempo de entrega. O biscuit é uma massa de consistência dura e de endurecimento rápido – o que condiciona o artesão a produzir uma peça de cada vez. Já a Fimo permite uma construção em série de todos os pedaços que formarão a peça como, por exemplo, ao construir uma boneca consigo moldar uma série de braços, pernas e cabeça com três moldes de cortadores diferentes. Depois, basta juntá-los. Sobre a Fimo Couro, eu já tive a oportunidade de testar a massa em primeira mão e estou encantada, é realmente um salto grande nas possibilidades criativas para o artesão”, explica a artesã, que vai realizar uma série de lives no perfil @staedtlerbrasil nas redes sociais mostrando várias possibilidades de uso do produto.

Post anterior
Próximo post